Jeremy Corbell afirma que há evidências em vídeo de que pilotos tentaram derrubar OVNIs

O cineasta e documentarista Jeremy Corbell diz ter visto evidências em vídeo de que OVNIs foram baleados e atacados pelos militares dos EUA, às vezes semanalmente.

“Vi os registros, vi os vídeos”, disse Corbell em uma entrevista em vídeo de dois minutos que foi ao ar em 22 de maio de 2022, no Unexplained with Howard Hughes.

O cineasta acrescentou que esses confrontos ocorrem com frequência como resultado da missão dos EUA de proteger suas tropas terrestres ao redor do planeta da recorrente vigilância de OVNIs e da penetração do espaço aéreo restrito.

Quando perguntado se os OVNIs estavam respondendo com fogo, Corbell se recusou a responder diretamente, mas esclareceu que não há evidências de que eles tenham tomado qualquer ação agressiva contra os aviões.

Esta resposta sobre a não agressividade dos OVNIs é confirmada por muitos casos de encontros imediatos com pilotos de caça no ar, onde os objetos não identificados nunca são os que iniciam as hostilidades. A maioria dos incidentes em que os pilotos foram incapacitados ou atacados de alguma forma por um OVNI foram devido a uma resposta defensiva, por isso o cineasta preferiu não entrar em detalhes.

Eu não sei de onde eles vêm

Cineasta Jeremy Corbell

Por outro lado, destacou que a origem do que foi avistado —e muitas vezes perseguido— permanece um mistério, embora o interdimensional, extratempestário ou extraterrestre sejam certas possibilidades. Da mesma forma, disse que não são um fenômeno aéreo —como sugere a nova definição militar— mas que são claramente objetos.

“A verdade é que não sabemos de onde eles vêm. Mas sabemos que são máquinas”, disse ele. Ele também se ofereceu para testemunhar e provar suas alegações no Congresso, como testemunha em uma possível segunda audiência dedicada ao assunto.

Corbell é um cineasta investigativo e ufólogo que lançou um filme sobre Bob Lazar na Netflix e no Hulu. Ele é conhecido por seu trabalho documental que explora os mistérios do fenômeno OVNI, tecnologia avançada e “espaço escuro” onde a ciência se cruza com o paranormal.

Fonte: https://noticierouniversal.com/ por Chet Dembeck.

Weslem

Weslem Andrade é formado em Artes plásticas pela Universidade Federal de Uberlândia. Virou pesquisador de Ufologia em 2001, após ter o que julga ser o seu principal avistamento ufológico. Tal experiência e engajamento em pesquisas, culminou com a criação do blog ETs & ETc..., em agosto de 2010.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.