Da série: Casos Incríveis – ETs de Hidrolândia

Segundo moradores de Hidrolândia, seres extraterrestres têm visitado a cidade. Neste vídeo impressionante pode ser visto um ser emanando luz pela testa (no chamado terceiro olho), a luz é multicolorida. Não é muito fácil visualizar o ser durante o vídeo, mas com quadros congelados é perfeitamente possível e impressiona. Gostaria muito de ler a opinião dos leitores sobre este caso. Segue vídeo do ser em uma mata e um vídeo da morfologia do ser:

Weslem

Weslem Andrade é formado em Artes plásticas pela Universidade Federal de Uberlândia. Virou pesquisador de Ufologia em 2001, após ter o que julga ser o seu principal avistamento ufológico. Tal experiência e engajamento em pesquisas, culminou com a criação do blog ETs & ETc..., em agosto de 2010.

4 thoughts on “Da série: Casos Incríveis – ETs de Hidrolândia

  • 27/11/2010 em 05:27
    Permalink

    é de fonte confiavel o video? é que essas luzes multicoloridas podem ser facilmente feitas… que nem a luz fake do bilu lá de uma lanterna haha… que o blog tanto insistiu em dar foco.
    vc viu esse caso? http://www.youtube.com/watch?v=cmJNIpF0TaA&feature=player_embedded
    SE for realmente verdade, tem bastantes provas sim este caso :d … AAh e esse sistema de comentarios do blog é muito ruim =( poderia ser feito um que não necessitasse de log

    Resposta
  • 27/11/2010 em 13:42
    Permalink

    Obrigado Lily pelo comentário. Em relação às luzes coloridas devo dizer que hoje em dia tudo pode ser manipulado, não dá pra confiar cegamente em nada, tudo pode ser manipulado. Infelizmente boa parte dos casos tem que ter uma porcentagem de crença em cima.Esse caso da Giovanna eu já conhecia e é muito interessante, parece ser real, mas não dá pra afirmar nada com certeza absoluta. Infelizmente na Ufologia é assim…

    Resposta

Deixe um comentário para Jackson Kishimo Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/etseetc/public_html/wp-includes/functions.php on line 5275