Flying-Saucer12

A possível convergência da tecnologia terrestre com a ciência alienígena dos focos de luzes dos UFOS

em julho 3 | em Ciência, Mistério, Notícia | por | com 2 Comments

Compartilhe com seus amigos terráqueos

Por Lewton Burity,

Como é possível fazer a “pega” de elementos materiais sob a ação da força gravitacional, a certa altura do solo (relatos de alturas na faixa de 10 a 20 metros do chão), imprimindo certa velocidade de ascensão, sem “queimar totalmente” o elemento em abdução?

Nos milhares de relatos de ABDUÇÕES de gado e até de seres humanos, há registros da elevação deles até a nave raptora. O gado e as pessoas são atraídos por um forte FOCO DE LUZ que sai da parte inferior do UFO. Então, são elevados até ingresso nos recintos do objeto. Numa aparente “perda” da ação gravitacional sobre os elementos materiais e orgânicos abduzidos.

Será uma espécie de atração fotônica, usando a luz como força de atração?

E como pode isto acontecer, com extrema força de atração “luminosa”, que se converte em ação mecânica, rompendo os laços da gravidade sobre os abduzidos? A evidência é que o fator de atração é a LUZ, numa de suas propriedades até então desconhecidas pela ciência terrestre. E tal foco de luz sai debaixo da estrutura do UFO, em que se suspeita fazer parte do seu sistema de propulsão. E a LUZ tem “garras”?

É de se assombrar, pois no caso de gado, já se viu suspender até 1.000 kg de peso de uma saudável vaca… Em boa velocidade de ascensão!

Desde os anos 1960, com a invenção dos LASER’s, projeção de luz amplificada colimada em focos ou pontos de alta concentração, capazes de atingirem elevadas temperaturas, próximas ou mais das do nosso SOL, a tecnologia dos Lasers se expandiu aos limites de se usarem feixes de luz para uma infinidade de atividades práticas do trabalho industrial e laboral humano.

Como é possível fazer a “pega” de elementos materiais sob a ação da força gravitacional, a certa altura do solo (relatos de alturas na faixa de 10 a 20 metros do chão), imprimindo certa velocidade de ascensão, sem “queimar totalmente” o elemento em abdução? E ainda como pode a LUZ anular os efeitos das forças atômicas das moléculas compostas dos corpos orgânicos – do gado e das pessoas em abduções – neutralizando a força da gravidade?

Continua para nós terráqueos um mistério que não é FEITIÇARIA. É pura TECNOLOGIA…

Entretanto, nos anos 1980 a ciência terrestre se mostrou capaz de criar as PINÇAS OPTICAS e as TESOURAS DE LUZ (nestas já temos o domínio com os TERALASERS, que cortam o mais sólido e denso material do planeta).

Nos UFOs que fazem abduções o que já se viu foi a manipulação de matéria com partículas de LUZ. Já fazemos o que se denomina de manipulação de partículas com luz.

A pinça óptica foi proposta em 1970 e realizada 16 anos mais tarde por Arthur Ashkin, do Bell Labs, e é um instrumento relativamente simples: um feixe de laser monocromático é focalizado pela objetiva de um microscópio. A luz pode segurar partículas de tamanho da ordem de 1 até ~ 5 nm (nanometros), e exercer forças da ordem de 10 elevado a -12 Newtons.

Houve experiência, com esferas de poliestireno de 250 de raio manipuladas por uma série de várias armadilhas ópticas. É possível obter várias armadilhas usando um único feixe laser combinando o esquema básico com hologramas, técnica conhecida por pinça óptica holográfica.

A pinça óptica como instrumento científico se tornou muito importante, com descobertas na biofísica, matéria condensada e nanofabricação. É uma óptica que permite a manipulação e medida de propriedades mecânicas de micropartículas, pequenas organelas celulares, células e também biomoléculas (DNA, RNA, proteínas).

Dentre as aplicações há a possibilidade de manipular diretamente macromoléculas com a pinça permite forçar reações químicas mecanicamente para fabricação de nanoestruturas. Como a luz carrega momento, ao sofrer um desvio de sua trajetória há uma mudança em momento que corresponde a uma força atuando sobre o objeto — é a pressão da luz. É possível fazer cálculos usando eletromagnetismo na aproximação da óptica geométrica para calcular a força da pinça.

Seriam as ‘nossas’ PINÇAS OPTICAS as tataravós dos FOCOS DE LUZ tratores, dos UFOs, que neutralizam as ações de outras forças, até da gravidade?

Fonte: Administradores.com.br

Assine ETs & ETc... é grátis
Seu nome
Seu e-mail *
 
 

anuncio canecas 2

etseetc_logo_horizontal2

.

.

.

Weslem
Links ETs & ETc...:
FacebookTwitterYouTubeGaleria Nave MãeCitações relevantesET-MEMES
ATENÇÃO PARA AS REGRAS DOS COMENTÁRIOS - Não serão permitidas ofensas e palavras de baixo calão ou "gracinhas" ofensivas ao tema ou as pessoas. Antes de criticar as postagens do Blog, leia nossa política. Você pode criticar as postagens à vontade, desde que seja com educação. Caso contrário, seu comentário não será publicado e havendo persistência, será banido dos comentários. Obrigado pela compreensão.
Compartilhe com seus amigos terráqueos
Pin It

Terráqueo, comente com seu Facebook

2 Responses

  1. Bom, também tem que considerar que o que exerce a tração dos objetos não seja exatamente a luz, e que a luz que vemos seja simplesmente uma reação ao tipo de energia ou força aplicada que provoque luminescência do ar. Ou que a luz seja adicionada à ferramenta simplesmente para ter um parâmetro do alcance desta força (como fazemos com o gás de cozinha, que e inodoro e colocamos um cheiro nele para saber da sua presencia)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »

Registro de Domínios e Hospedagem de Sites Hostmidia

Scroll to top
ChatClick here to chat!+
Newsletter Powered By : XYZScripts.com
UA-36226169-1